Seguradora desenvolve ranking de serviços mais acionados no seguro residencial

Seguradora desenvolve ranking de serviços mais acionados no seguro residencial

Ranking desenvolvido pelo GRUPO SEGURADOR BANCO DO BRASIL E MAPFRE mostra as situações que mais resultaram em gastos com a conservação da residência em 2016 e revela que a cobertura de danos elétricos é a mais acionada dentre os serviços oferecidos pelo seguro residencial.

Ao todo, foram registrados mais de 8,9 mil registros de problemas relacionados à rede elétrica no período, o que corresponde a 46% dos acionamentos e ao pagamento de R$ 32,7 milhões de indenizações aos segurados. “Essas são ocorrências geradas, em grande parte, por eventos da natureza. A alta incidência de raios no Brasil e as fortes chuvas ocasionam imprevistos com elevado custo de reparação. Por isso, o seguro residencial é uma ferramenta essencial para evitar que o orçamento familiar seja prejudicado diante de imprevistos”, explica Jabis Alexandre, diretor geral de Automóveis e Massificados do GRUPO.

Em segundo lugar está o roubo/furto (21%), com 4,2 mil casos e mais de R$ 20,3 milhões de ressarcimentos pagos. Os casos de vendaval correspondem ao terceiro motivo de maior acionamento (21%), com mais de 4,1 mil casos e ressarcimento total de R$ 18,5 milhões. O quarto lugar no ranking é da cobertura de incêndio/raio/explosão (4%), com 822 chamados e R$ 16,3 milhões em indenizações.

Na sequência, as ocorrências de quebra de vidros correspondem a 3% (622 registros no período), com R$ 947,8 mil pagos aos clientes para a reconstrução do imóvel e aquisição e bens. Alexandre explica que o seguro residencial é uma “Ferramenta de proteção financeira para o maior e mais importante patrimônio físico de muitas famílias, sendo, portanto, fundamental a contratação de uma apólice que conta com coberturas que se enquadram aos possíveis riscos, garantindo um pacote econômico e adequado ao estilo de vida do morador”.

O seguro residencial do GRUPO custa, em média, R$ 350,00 ao ano (podendo ser parcelado em até seis vezes sem juros no débito em conta), variando conforme os detalhes da apólice. O contrato é modular e, além das assistências gratuitas, permite que o cliente inclua coberturas para incêndio, explosão, queda de aeronave, danos elétricos, roubo, quebra de viro, vendaval, proteção para obras de arte, avarias ocorridos com o veículo em garagem e até paisagismo

 

Fonte: CQCS | Vanessa Paranhos