5 motivos que justificam a contratação do seguro de transportes

5 motivos que justificam a contratação do seguro de transportes

Em 2017, as soluções de Transportes da Seguros Sura registraram crescimento de aproximadamente 43% em prêmios emitidos brutos em relação ao mesmo período do ano anterior, sendo R$ 187 milhões líquidos, totalizando R$ 183 milhões ganhos na carteira de transportes. Amilcar Spencer, Superintendente de Soluções de Transportes da empresa, lista cinco bons motivos para ajudar na decisão de contratar um seguro de transporte.

Garantir a continuidade do negócio – Quem contrata um seguro pensa em evitar que um acontecimento imprevisível acarrete em perda de rentabilidade ou mesmo na descontinuidade de determinado negócio. Ou seja, o seguro tem a importante finalidade de oferecer estabilidade econômica e evitar sobressaltos financeiros. “Especialmente no segmento de logística, que costuma trabalhar com margens baixas e valores financeiros relativamente altos”, explica Spencer.

Proteger a marca – Por trabalhar com bens que representam valores altos em relação aos seus respectivos negócios, ou mesmo pelo volume, a ocorrência de um sinistro pode representar um alto impacto financeiro para o setor de logística, que, se não assegurado, dificulta e praticamente impossibilita o ressarcimento dos bens segurados. “Esse tipo de situação, que pode impactar negativamente a marca e a reputação, deve ser evitada a todo custo, pois pode até afetar a sustentabilidade dos negócios”, completa o executivo.

Respeitar aspectos legais e contratuais – Ambos são muito comuns em operações logísticas, principalmente de comércio exterior, e é fundamental que sejam cumpridos. O descumprimento de exigências dessas ordens, além de impactar em sanções legais, dificulta ou até impossibilita a realização de financiamento bancário, muito comum nesse mercado para viabilizar negócios. “Nesse tipo de situação, por exemplo, quando um banco está financiando um processo de operação logística ou transporte de mercadoria, ele só emite uma carta de crédito mediante a condição de que a mercadoria esteja assegurada”, diz Spencer.

Contratar uma consultoria para gerenciamento de riscos – A contratação de um seguro de transportes implica também em um serviço de consultoria, que, periodicamente, mitiga os riscos e propõe ações de correção para que o sinistro seja evitado. O gerenciamento de riscos agrega valor ao negócio, uma vez que vai além de cibrir os bens, impactando na melhoria contínua das operações”, explica o Superintendente de Soluções de Transportes da empresa.

Garantir a competitividade saudável do negócio – A Seguros Sura desenvolveu uma metodologia própria de vanguarda, e que está no DNA da companhia, a análise de tendências. Chamada GTR – Gestão de Tendências e Riscos, tem por definição ser uma maneira de administrar negócios para a competitividade sustentável, por meio do mapeamento de tendências e seus estudos, permitindo identificar riscos, incluindo os estratégicos, e gerenciá-los.

M.S.
Revista Apólice